quarta-feira, 16 de março de 2011

Os frilas da Hebe

Ontem, aos 82 anos de idade, a apresentadora Hebe Camargo estreou na televisão. Migrada do SBT para a Rede TV, a loira octagenária assinou um contrato milionário com a nova emissora e passa a apresentar o seu programa de "entrevistas por um selinho" às terças-feiras, às 22h.


Mas, como nem só de um trabalho vive o assalariado brasileiro, dona Hebe também entrou na categoria de freelancer e encheu de merchan o auditório dela.

Ao longo dos 90 minutos de programa, Hebe falou em nove marcas diferentes, desde Leite Moça (não à toa, já que o preseidente da Nestlé estava na plateia), passando pelo Banco Cruzeiro do Sul, marca de cosméticos Niely, colchão, sabonete íntimo e outras ofertas (é, eu esqueci os nomes dos últimos). Sem contar na Brahma, por onde a loira passou no carnaval para dar o ar da graça no camarote e arrancar beijinhos de gringos e amigos brasileiros.
 

Na onda "cada um se vira como pode", Dona Hebe deve ter faturado uns bons milhões nessa última terça-feira cinzenta.

Hebe Camargo: de Leite Moça a sabonte íntimo, e uns trocados a mais no bolso





4 comentários:

  1. muito bem, marina. gostei do texto. faltou contar que ela botou a mão no peito qndo falou "leite moça". hahaha. e que entrevistou a presidente(a). e como chama a marca de levantar os peitos? lib? keep writing!

    ResponderExcluir
  2. Lib!! Acho que é! Tinha me esquecido dessa também... Ah, e dado importante: A Rede TV ficou em 4° lugar na audiência durante o programa da Hebe. Loucura, né?

    ResponderExcluir
  3. Oi Marina,

    Assisti e também fiquei impressionada com tanto merchan. Sinal dos tempos...
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Pois é, Claudia. Achei demais... Um tiro no pé mesmo.

    ResponderExcluir